#VotaFundeb: Professores devem aderir a movimento urgente!



Por Val Barreto.

E importante a participação de todos os professores da educação básica na campanha pela aprovação da PEC 15/2015, que torna o Fundeb permanente e com mais recursos. O FUNDEBE é o principal mecanismo de financiamento da Educação Pública do país. Defenda a Educação Pública e participe da mobilização virtual!



O Fundeb tem vigência assegurada até 31 de dezembro de 2020 e, por isso, as entidades sindicais e sociais dos Estados estão convocando os trabalhadores (as) em Educação, estudantes e militantes para que publiquem e compartilhem posts com a hastag #VotaFundeb, pressionando os parlamentares a colocarem a Proposta em votação imediatamente.


Além das redes sociais, o Sintero também pediu o apoio da bancada federal de Rondônia através de ofícios, detalhando a importância do Fundeb, considerando que a extinção do mesmo, poderá prejudicar mais de 20 milhões de alunos, conforme nota técnica do Dieese. Ainda de acordo com o estudo, caso não seja renovado, 93% dos municípios da Região Norte perderiam investimentos, o que impactaria mais de 98% dos estudantes da rede municipal de ensino básico.

Destaca-se ainda que 60% dos recursos do Fundeb são destinados ao pagamento dos profissionais em Educação. Logo, o Fundo se tornou um elemento indispensável quando se trata de remuneração e valorização financeira, ainda que não seja um montante suficiente.

Depois de analisar as várias PEC's (Propostas de Emendas Constitucionais) em tramitação na Câmara dos Deputados e no Senado Federal, a Confederação Nacional dos Trabalhadores/as em Educação (CNTE) optou por defender a aprovação da PEC 15/2015, de autoria da deputada federal Raquel Muniz (PSD-MG), com relatoria da deputada federal Dorinha Rezende (DEM-TO) por considerá-la mais completa e vantajosa. Além disso, fez contribuições em favor da categoria, defendendo o aumento do aporte da União no Fundeb, dos atuais 10% para 40% em 10 anos. 

Além de propor a subvinculação de no mínimo 80% dos recursos do Fundeb para remunerar todos os profissionais da educação, inclusive com criação de um Piso Salarial aos técnicos educacionais.

Em razão da crise provocada pela pandemia da Covid-19, a tramitação da PEC 15/2015 tem caminhado de forma lenta. Para reverter essa questão e colocá-la em votação o mais rápido possível, o Sintero convoca os profissionais em Educação de Rondônia para que participem da campanha de pressão aos parlamentares, publicando e compartilhando vídeos e fotos com manifestação em defesa do Fundeb permanente. Diariamente, o Sintero estará fazendo publicações em todas as redes socais, utilizando a hashtag #VotaFundeb.
  
Fonte: SINTERO.

Comente com o Facebook:

:) :,( ;) :D :-/ :? :v X( :7 :-S :(( :* :| :-B ~X( L-) =D7 :-w s2 \m/ :p kk

0 comentário

Postar um comentário

Deixe seu comentário, sugestões, críticas, será um prazer responder você.

NOSSAS REDES SOCIAIS