França com 70 novos casos de Covid-19 em escolas, uma semana após a reabertura



Uma semana depois de um terço das escolas francesas ter reaberto, registam-se cerca de 70 novos casos de Covid-19 nos estabelecimentos de ensino, assumiu o ministro da Educação, Jean-Michel Blanquer, nesta segunda-feira.

O governante não especificou, porém, quem são os 70 infetados, se alunos, professores ou auxiliares. Em declarações à rádio RTL, o ministro garantiu que as escolas afetadas foram já encerradas, adiantando apenas que são sete e situam-se na região norte.

Nesta segunda-feira, mais 150.000 alunos, agora do segundo ciclo, voltaram a ter aulas presenciais, em mais um passo para o regresso à normalidade. Paris, por exemplo, ficou fora desta decisão por não se ser, ainda, uma região "verde".


Jean-Michel Blanquer sublinhou, contudo, que estes novos casos em ambiente escolar terão sido contraídos antes da reabertura das escolas, atendendo ao período de incubação da doença, considerando, por isso, que os alunos ou professores estariam "provavelmente" já infetados.

Há uma semana, cerca de 40.000 creches e escolas primárias abriram portas, com as turmas limitadas a 15 alunos.

Apenas 30% das crianças regressaram à escola, com o governo francês a permitir que os pais mantenham os filhos em casa.

França anunciou, na semana passada, a primeira morte de uma criança, um menino de nove anos, devido à síndrome inflamatória relacionada com o novo coronavírus e com sintomas semelhantes à Doença de Kawasaki.

No país foram identificados 125 casos desta síndrome misteriosa.

Portugal também já registou um caso, tratando-se de uma criança que já recuperou da doença e teve alta hospitalar.


Comente com o Facebook:

:) :,( ;) :D :-/ :? :v X( :7 :-S :(( :* :| :-B ~X( L-) =D7 :-w s2 \m/ :p kk

0 comentário

Postar um comentário

Deixe seu comentário, sugestões, críticas, será um prazer responder você.

NOSSAS REDES SOCIAIS