' '' CONCURSO DO ACRE TEM VAGAS PARA PROFESSORES DA EDUCAÇÃO INFANTIL, FUNDAMENTAL E ESPECIAL (MEDIADOR, BILÍNGUE E LIBRAS). | PROFESSORES DE PVH - POR VAL BARRETO

19 de out. de 2019

CONCURSO DO ACRE TEM VAGAS PARA PROFESSORES DA EDUCAÇÃO INFANTIL, FUNDAMENTAL E ESPECIAL (MEDIADOR, BILÍNGUE E LIBRAS).


Por Val Barreto.

As oportunidades para a área da educação devem ser aproveitadas, afinal além de adquirir experiência, os professores estão criando opções de atuação, não importa se a vaga é em Vilhena ou no Acre, o importante é garantir sua vaga e trabalhar até ter em mãos aquele cargo e salário tão almejado. Por isso, a dica do “Espaço concurseiros” de hoje é sobre o edital e concurso da Prefeitura do Acre.

O CONCURSO DO ACRE TÊM CARGOS PARA:

Professor da Educação Infantil (Pré-Escola).
Professor do Ensino Fundamental (1º ao 5º ano).
Professor da Educação Especial (Mediador, Bilíngue e Libras).

 REQUISITOS, VAGAS, CARGA HORÁRIA E REMUNERAÇÃO:



A Prefeitura de Rio Branco, localizada no Acre, tornou público o edital retificado nº 01/2019 referente ao seu novo concurso, organizado pela FUNDAPE. As vagas do concurso Rio Branco - Acre são para servidores que possam atuar na Secretaria Municipal de Educação (SEME). As mudanças realizadas no edital estão destacadas na página da organizadora e os candidatos devem conferi-las.

PÁGINA DO CONCURSO FUNDAPE – CLIQUE AQUI


São 521 oportunidades para ampla concorrência, mais 32 vagas reservadas para pessoas com deficiência, distribuídas entre os níveis fundamental, médio e superior. Os cargos proporcionam remuneração inicial de até R$ 3.447,35.

EDITAL  EM PDF - CLIQUE AQUI 

Uma das dúvidas de alguns professores interessados na vaga de professor de educação especial é sobre ter pós-graduação para fazer o concurso, gostaria de esclarecer que durante a inscrição deverão ser anexados os títulos como arquivos, para os candidatos que desejarem participar da Prova de Títulos, porém a avaliação de Títulos tem caráter apenas classificatório, o que significa dizer que o candidato que não tem pós-graduação em EDUCAÇÃO ESPECIAL pode fazer a pós e não participar da prova de títulos, isso não o eliminará. 


Confira o formulário de inscrição e as opções:

Conforme consta no Edital, a Prova de Títulos terá caráter apenas classificatório. O Candidato que não anexar os títulos não sofrerá nenhuma penalidade, apenas deixará de receber os pontos referentes a esta etapa, no caso em que apresentasse documentos válidos, sendo-lhe computada a pontuação 0,0 (zero) na avaliação de títulos para cálculo da pontuação final.

Você pode realizar a pós-graduação em Educação Especial, antes de tomar posse, porém aconselho fazer a pós-graduação de 3 meses do Instituto Educacional Maris (IEMAR) para se preparar para a posse, sem perder tempo. 

O curso é 100% EAD e pode ser feito de qualquer lugar do Brasil, o certificado chega no máximo em 30 dias. Além do curso de Educação Especial, temos cursos com ênfase em algumas outras áreas que poderão ser úteis:


PÓS GRADUAÇÃO IEMAR - CONHEÇA ALGUNS CURSOS:

EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSIVA COM ÊNFASE EM DEFICIÊNCIA INTELECTUAL E MÚLTIPLA - 580 HORAS.

-METODOLOGIA CIENTIFICA.
- DIDÁTICA.
-FILOSOFIA E POLITICAS EDUCACIONAIS.
-ELABORAÇÃO DO TCC.
-DEFICIÊNCIA INTELECTUAL.
-DEFICIÊNCIA MÚLTIPLA.
-COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA.
- TECNOLOGIA ASSISTIVA.
- UMA ESCOLA PARA TODOS.
-TGD.
-EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSÃO SOCIAL.

Público Alvo: Profissionais da área de educação e afins (Professores, pedagogos, fonoaudiólogos, psicólogos, fisioterapeutas e outros), da rede pública ou privada, que desejam preparar-se para atuar junto aos alunos que possuem alguma necessidade especial, conhecendo os fundamentos teóricos e práticos da Educação Especial.

Objetivo do curso: Refletir criticamente sobre a educação do portador de necessidades especiais no contexto sócio-cultural brasileiro visando sua plena cidadania.
Capacitar, teórica e tecnicamente, os profissionais para atuarem junto aos alunos com necessidades especiais, nas diferentes modalidades de atendimento.

Habilitar os profissionais para avaliarem as necessidades educativas especiais, e, sobretudo, desenvolver programas de atendimentos especializados.

EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSIVA – 640h

-METODOLOGIA CIENTIFICA -
- DIDÁTICA -
- LIBRAS AVANÇADO
- FILOSOFIA E POLITICAS EDUCACIONAIS -
- ELABORAÇÃO DO TCC-
-NOVAS TECNOLOGIAS E MEDIAÇÃO PEDAGÓGICA -
-EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSÃO SOCIAL -
-COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA -
-TECNOLOGIA ASSISTIVA -
-UMA ESCOLA PARA TODOS -
-TRANSTORNO GLOBAL DO DESENVOLVIMENTO- TGD -

PÚBLICO ALVO:

Portadores de diploma de graduação em qualquer área do conhecimento reconhecido pelo MEC que atuam ou pretendem atuar em setores de instituições que lidam com alunos especiais.

OBJETIVO DO CURSO:

Tem por objetivo ressaltar a importância dessa estruturação para o desenvolvimento da educação no país como um todo, colaborando com um processo ainda em transformação que adequam as práticas pedagógicas aos direitos e a igualdade do estudante com deficiência. Para isto, traremos ao mercado, profissionais aptos ao desenvolvimento da educação, independentemente das dificuldades, tratando-as com naturalidade e vencendo-as a cada dia.

EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSIVA COM ÊNFASE EM NEUROCIÊNCIA E APRENDIZAGEM - 580 HORAS

DISCIPLINAS DO CURSO:

- METODOLOGIA CIENTIFICA -
-DIDÁTICA -
- FILOSOFIA E POLITICAS EDUCACIONAIS -
- LIBRAS AVANÇADO
- ELABORAÇÃO DO TCC -
-INTRODUÇÃO A NEUROCIÊNCIA -
- MOTRICIDADE E NEUROCIÊNCIA -
- NEUROPSICOLOGIA E APRENDIZAGEM -
- UMA ESCOLA PARA TODOS -
- EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSÃO SOCIAL -

PÚBLICO ALVO:

Profissionais da área de educação, em formação ou em fase de aperfeiçoamento, de todos os níveis de ensino e de todas as disciplinas.

OBJETIVO DO CURSO:

 O curso proporcionará conhecimentos teóricos especializados e suporte didático-metodológico para professores e profissionais que desejam trabalhar com educação inclusiva na escola regular, articulando teoria e prática, a fim de que atuem com qualidade e sem discriminação.



Para saber mais sobre essa pós – CLIQUE AQUI ou envie mensagem no Whatsapp: (69) 9 93106942.


VÍDEO - RELATO SOBRE A CHEGA DO DIPLOMA PELOS CORREIOS:







Cargos para nível médio:

No rol das vagas de nível médio, há o cargo de Cuidador Pessoal, enquanto que as oportunidades de nível fundamental são para o cargo de Motorista.

Os interessados devem se inscrever por meio do acesso ao site da FUNDAPE (http://fundape.ufac.br), até 03 de novembro de 2019, mediante o preenchimento do formulário online.

Há a possibilidade de o candidato fazer inscrições distintas em dois cargos de diferentes níveis de escolaridade, desde que o horário das provas não coincida.

A taxa de inscrição é de R$ 45,00 para os candidatos que pleitearem vagas de nível fundamental; R$ 65,00 para as vagas de nível médio; e R$ 85,00 para as de nível superior.

As provas do concurso

Quem for disputar as vagas que requerem o ensino fundamental participará da uma única etapa de prova objetiva escrita, prevista para 17 de novembro de 2019, com caráter eliminatório e classificatório.

Os candidatos que concorrerem aos postos de níveis médio e superior serão submetidos a provas objetivas (mesma data prevista já informada) e a avaliação de títulos. Além dessas duas etapas, os que se inscreverem para as vagas de Professor da Educação Especial (Libras) e Professor da Educação Especial (Bilíngue) serão submetidos a uma prova prática de Libras.

Quanto aos títulos, vale lembrar que eles deverão ser anexados como arquivos, no ato da inscrição, diretamente na plataforma do site da FUNDAPE. Essa avaliação tem caráter apenas classificatório.

Nomeações e validade do certame

A administração municipal vai realizar as nomeações em um quantitativo que atenda ao interesse e às necessidades do serviço, sempre primando pelo equilíbrio orçamentário e respeitando número de vagas ofertadas para cada cargo.

Este concurso de Rio Branco terá um prazo de validade convencional de dois anos, sendo passível de prorrogação por igual período.

Edital

O edital foi primeiramente publicado na edição de 15 de outubro de 2019 do Diário Oficial do Estado do Acre, a partir da página 98.

Todas as informações necessárias e atualizadas estão disponíveis na página oficial da Fundação de Apoio e Desenvolvimento ao Ensino, Pesquisa e Extensão Universitária do Acre - FUNDAPE.

Para se inscrever, preencha o formulário - CLIQUE AQUI



Último certame de Rio Branco também foi em 2019

O último concurso realizado para provimento de vagas na Prefeitura de Rio Branco, no Acre, foi neste mesmo ano, através da Secretaria Municipal de Saúde – SEMSA.

O concurso ofertou 39 vagas para Médicos (Clínico Geral, Ginecologista e Pediatra), para atuarem em regimes de 20 e 40 horas semanais de trabalho. O salário base era de até R$ 2.424,71, além de gratificação no valor de até R$ 5.300,00.

Sobre Rio Branco

Rio Branco é um município brasileiro, capital do estado do Acre, localizado na Região Norte do país e principal centro financeiro, corporativo e mercantil do estado.

Sua população, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), é de 407 319 habitantes, fazendo de Rio Branco a sexta cidade mais populosa da Região Norte do Brasil.

Historicamente, a sua economia baseia-se no extrativismo vegetal, sobretudo na exploração da borracha, que foi responsável pelo povoamento da região. Atualmente, a madeira é o principal produto de exportação do estado, que também é grande produtor de castanha-do-pará, fruto do açaí e óleo da copaíba.


0 comentários

Postar um comentário

Deixe seu comentário, sugestões, críticas, será um prazer responder você.